Foto por: Andrey Zharkikh
Nativa da Europa, a Salvia é bastante conhecida por suas propriedades medicinais. Dependendo da região, a planta pode ser conhecida por Salva, Salva-dos-jardins, salva-das-boticas ou salva-ordinária.

É curioso comentar, que a sálvia também é bastante usada fora da medicina natural. Na culinária ela é muito empregada como tempero, agente conservante e sequestrante na indústria de alimentos, e até como antitranspirante em desodorantes. As substâncias que compões a sálvia são, principalmente, seu óleo essencial, composto por  α-tujona (40,90 %), cânfora (26,12 %), α-pineno (5,85 %) e β-pineno (5,62 %); Triterpenos, Ácido ursólico e oleanólico; Glicosídeos; Flavonoides; Taninos; Entre outras.

O chá de sálvia pode ser indicado na presença de doenças gástricas e má digestão, vômitos ocorridos após as refeições e dor de cabeça resultante da má digestão. A dose recomendada do chá de sálvia contra esses males, é de 1 litro de água para 10 gramas das folhas da planta, inclusive a mesma infusão pode ser usada para combater os sintomas de gripes, resfriados, bronquites, anginas, catarros, entre outros problemas respiratórios. Pessoas que sofrem com suores noturnos podem se beneficiar das propriedades da sálvia, consumindo a mesma dosagem de 10 gramas para 1 litro. In natura, as folhas de sálvia são ótimas para branquear os dentes, fortificar gengivas frouxas e inflamadas, e no caso de picadas de abelhas, mosquitos e vespas, também se indica o uso das folhas de sávia esfregando sobre o machucado. Porém em todos os casos, não é recomendado o uso continuo e prolongado da planta.

A sálvia é contraindicada para mulheres grávidas e em lactação, pessoas cardiopatas, nefropatas, portadoras de tumores hormonais e crianças pequenas. A planta pode também interferir o efeito de alguns medicamentos se tomados em conjunto, como anticoncepcionais, hipoglicemiantes, anticonvulsivantes ou sedativos.

Referências

– BALBACH, A. As Plantas Curam – SALVA.
– Chemical composition of sage (Salvia officinalis L.) essential oil from the Rio de Janeiro State (Brazil)
– SÁLVIA – SALVIA OFFICINALIS L  – .londrina.pr.gov.br
– PLANTAS AROMÁTICAS E MEDICINAIS – CULTIVO E UTILIZAÇÃO” – PAULO GUILHERME FERREIRA RIBEIRO E RUI CÉPIL DINIZ . LONDRINA: IAPAR, 2008.

Cláudio P. Filla | Laboratory Technician UTP-PR | Químico, escreve sobre o efeito positivo dos alimentos naturais através de suas propriedades e os perigos por trás dos alimentos industrializados. Mas gosta mesmo é de compartilhar alternativas para uma vida mais saudável. Curitibano, ama um pé na terra e outro no mar, mas também a rotina cultural da cidade grande.
Carregar Mais
Carregar Mais Plantas & Ervas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA *

Veja Também

Hibisco: o chá de hibisco estimula a queima de gordura, regulariza o intestino, possui ação antioxidante e combate a retenção de líquidos!

Hibiscus sabdariffa L. (Malvaceae) é uma importante planta medicinal, originária da Índia.…