Pelo menos para uma boa parte da população, os mais variados tipos de peixes ainda estão distantes de serem a proteína favorita em suas refeições, devido ao preço, disponibilidade ou, até mesmo, gosto. Isso não é bom! Devido aos seus benefícios, o peixe deveria estar cada vez mais presente em nossa alimentação, por ser um alimento rico em proteínas quanto a carne bovina, além de ser composto por uma grande quantidade de minerais, vitaminas e de gorduras boas como o ômega 3.

Quais são os benefícios dos peixes?

De modo geral, os peixes são ricos em ferro, ômega 3, vitaminas do complexo B, cobalto, fósforo, iodo e cálcio, que garantem o enriquecimento da saúde cardíaca, eliminando o risco de anemias, previne doenças dos ossos e ainda atua no fortalecimento do sistemas nervoso e gastrointestinal, por exemplo.

Como já é bem conhecido, o ômega 3 ainda auxilia na atuação da insulina, sendo capaz de tirar o açúcar da circulação sanguínea. Contudo, para não deixar muito generalista essa fonte de proteínas tão benéfica para nossa saúde, confira a seguir, nosso guia do peixe e conheça os benefícios dos principais tipos de peixes mais consumidos pela população.

Atum (Thunnus maccoyii): um dos peixes com mais benefícios.

Atum - Benefícios dos peixesEm primeiro lugar, destaca-se sua cobiça principalmente pelo seu sabor e benefícios, o atum (Thunnus maccoyii) é um alimento nobre da gastronomia e rico em omega 3, sendo assim um peixe muito procurado pelos pescadores. Possui uma carne com tom avermelhado, resultante de seu sistema vascular que possibilita o peixe efetuar troca de calor em águas frias. Em segundo lugar, normalmente eles são grandes predadores e podem ultrapassar 200 quilos. No quesito nutrientes, podemos destacar seu teor de ferro, fósforo, magnésio, vitaminas do complexo B e selênio. Esse nutrientes fazem do atum, por exemplo, um ótimo alimento que contribui para o bom funcionamento do coração e do sistema imunológico, auxilia na redução do colesterol ruim e triglicérides, além de atuar como um anti-inflamatório natural e prevenir a anemia.

Anchova (Pomatomus saltatrix)

Anchova - Benefícios

Bastante consumido no Brasil, a anchova é um peixe de água salgada muito lembrado na hora de preparar aquele peixe frito. Pode ser  encontrada em todo o litoral, com destaque para o Rio de Janeiro e Santa Catarina. 
Mas elas não se destacam apenas no sabor marcante, também trazem diversos benefícios para saúde.
São ricas em proteínas, minerais, vitaminas e ômega 3, por exemplo, (ajuda a diminuir o colesterol ruim e reduz o risco de doenças cardiovasculares graves).
Destaca-se seu teor de ferro, que contribui na prevenção de anemias.

Bacalhau (Gadus morhua)

Bacalhau - Benefícios dos PeixesJá considerada um espécie em extinção, o bacalhau é um peixe que vive nas águas geladas do Oceano Atlântico e pode ser encontrado com até 100 kg. Gadus morhua, é a espécie verdadeira de bacalhau, porém por sua escassez, podem ser encontradas outras espécies de peixes salgados e seco que podem ser vendidos como bacalhau. Mas nada disso faz dele deixa de ser um alimento nutritivo. O bacalhau é rico em cálcio e magnésio, além de bons teores de potássio, selênio e vitaminas do complexo B. Nutrientes que auxiliam na prevenção da arteriosclerose e artrite, atua no bom funcionamento da tireoide, fortalece a saúde dos ossos e dos dentes, além de auxiliar nos processos digestivos. Apenas cuide com o sal em excesso!

Badejo (Mycteroperca spp.)

Da família dos Serranídeos, o badejo, também chamado por badejo-amarelo e badejo-quadrado, é um peixe muito encontrado em tocas de costões
rochosos. No Brasil, por exemplo, o exemplar mais comum nos litorais é o badejo-mira (Mycteroperca rubra), que possui manchas claras e irregulares. Pelo sabor e tamanho, que pode chegar a medir até 1 metro, é muito procurado por pescadores esportivos. Entre seus nutrientes, destacam-se seu baixo valor calórico e minerais como fósforo, magnésio e selênio, que atuam na regeneração celular e auxiliado na saúde dos ossos e dos dentes. 

Bagre

Bagre - BenefíciosEncontrados em quase todo o mundo, o Bagre e o jundiá são peixes com hábitos de vida noturnos e vivem próximos ao fundo de águas escuras e pouco profundas e que se alimentam principalmente de outros peixes, artrópodes e vermes. Os principais nutrientes presentes no bagre são minerais como o cálcio, e ferro, uma certa quantia de iodo, além da presença das vitaminas A, B12 e D, por exemplo. A ingestão desses nutrientes contribuem para o bom funcionamento da tireoide, isto pelo alta concentração de vitamina D e ainda favorecer a manutenção da massa óssea e a fixação de cálcio nos ossos.

Carpa

Carpa - BeneficiosQuando falamos de peixes de água doce, talvez a carpa seja um dos peixes mais lembrados e procurados. Pode ser encontrada em lagos, represas e até em cativeiros. Seu valor nutricional é bem completo. Para ser ter uma ideia em 100 g do peixe, podemos encontrar proteínas de fácil digestão, ômega 3 e 6, vitaminas A, D e do complexo B. Se consumida moderadamente, a carpa auxilia no fortalecimento do sistema imunológico e atua na redução do desenvolvimento de doenças cardiovasculares, psoríase, artrite e até câncer, por exemplo. Talvez seu único problema esteja na concentração de gorduras e colesterol, dependo de sua alimentação caso seja feita em cativeiros.

Corvina

CorvinaSeu nome mais popular talvez seja corvina, porém em diversas regiões ele também pode ser chamado popularmente como Cruvina, Pescada-Branca e Pescada-do-Piauí. Devido aos teores de cálcio e vitaminas do complexo B em sua composição, a corvina também contribui na manutenção da massa óssea, beneficia os processos relacionados ao material genético e ainda auxilia na modulação dos receptores de hormônios no organismo, por exemplo.

Pescada

PescadaA pescada é um peixe facilmente encontrada em áreas pedregosas e
de corais, onde podem encontrar seu cardápio principal: peixes pequenos e camarões. Sua espécie é facilmente encontrada em praticamente todo o litoral brasileiro, sendo bastante consumida. Seus principais nutrientes são o cálcio, fósforo, ômega 3, potássio e selênio. Nutrientes que ajudam na diminuição dos níveis de colesterol e de triglicérides no sangue, além do selênio e o zinco inibirem a formação de radicais livres, por exemplo. 

Salmão: um peixe repleto de benefícios.

SalmãoAssim como o atum, o salmão também é um peixe repleto de benefícios e nutrientes. Possui em sua composição a presença de  ferro, fósforo, magnésio, niacina, ômega 3, potássio, selênio, vitamina A, vitamina B1, vitamina B5, vitamina B6, vitamina B12 e zinco. Sua ingestão também auxilia no bom funcionamento do coração, do sistema imunológico, na redução do colesterol e triglicérides.

Todos os peixes são ricos em benefícios!

Devido a enorme quantidade de espécies conhecidas de peixes, algumas podem ter ficado de fora como o caso da sardinha, da tainha, da tilápia que assim como a carpa também é bastante conhecida e criada em cativeiros), da traíra, truta, tucunaré, dourado, vermelho ou até mesmo o pacú. Contudo, todos se assemelham muito em sua composição nutricional, tanto na quantidade de proteínas, carboidratos, vitaminas, minerais e gorduras do bem. Por fim, fica nossa dica: consuma mais peixe! Faz bem a saúde, ao coração.

Referências

– Foto por: Marco Verch Professional 
Peixaria Z13: Imagem anchova
Pescariamadora: Badejo
– Vendasdepeixe: Bagre
Infoescola: Carpa
Blog/Saúde: Semana do peixe: Conheça os principais nutrientes dos peixes.
AnaMaria: Rico em nutrientes e minerais, o peixe traz vários benefícios.
– Portal/Terra: Benefícios da anchova.
G1.globo: Badejo.
Saúde/Abril: Mais de 40 espécies de peixes e seus benefícios
Terra: Guia do peixe

Load More Related Articles