Foto por: John Tann
A planta dormideira, também conhecida como dorme-dorme  ou sensitiva, de nome científico Mimosa pudica L., é um pequeno arbusto que pode ser facilmente encontrado em regiões litorâneas. Seu nome é atribuído pela principal característica da planta, quando os folíolos das folhas se juntam após ser tocada ou exposta ao calor, sendo  um tipo de estratégia natural de defesa contra predadores, principalmente insetos herbívoros, que ao pularem sobre uma folha, veem ela sumir rapidamente e ficam sem o alimento.



O chá da planta dormideira é utilizado na medicina popular tanto em infusões (com suas folhas), ou em sucos (cataplasmas) a partir de sua raiz. As propriedades do chá de dormideira são relatadas como cicatrizante, antimicrobiana, analgésica, anti-inflamatória, anticonvulsiva, antidiarreica, antioxidante, hepatoprotetora, anti-helmíntica e antivenenosa. A planta é composta por ativos que incluem a mimosina – leucenol (podendo existir risco de toxidade, dependendo da quantidade ingerida e da interação com bactérias intestinais), os terpenoides, os flavonoides, os glicosídeos, os alcaloides, as quininas, os fenóis, os taninos, as saponinas e as cumarinas. O chá de dormideira pode ser indicado contra doenças do fígado, prisão de ventre e em gargarejo para inflamações da boca, garganta e dor de dente (se provocada por cárie, as substâncias da dormideira inibem a proliferação e eliminam a bactéria Streptococcus mutans) ou em cataplasma para reumatismos articulares ou tumores. É interessante complementar ainda, que na medicina ocidental, a raiz da planta dormideira é usada no tratamento da insônia, irritabilidade, TPM, hemorroidas e feridas na pele. Existem relatos do uso decocção das folhas para auxiliar no tratamento de crises convulsivas. Contudo, o uso do chá da planta dormideira deve ser feito com cautela e acompanhado por um especialista. Embora seja benéfica para o organismo, a planta dormideira pode ser tóxica se consumida em altas doses, por longo período ou de forma indiscriminada devido a ação da mimosina.


  • Como preparar o chá da planta dormideira?

As folhas e raízes secas da dormideira podem ser encontrada sem farmácias e lojas de produtos naturais, prontas para o preparo do chá de dormideira. Após a aquisição, leve ao fogo 1 L de água e, em seguida, após a fervura da água, adicione a água em um recipiente já contendo 2 colheres de sopa das folhas/raízes de dormideira. Deixe o recipiente abafado e, após 10 minutos, coe e beba o chá até 3x por dia.

Referências

BALBACH, Alfons. A flora nacional da medicina doméstica. SP. 1983
BALBACH, A. As Plantas Curam – Sensitiva.
– ppmacDormideira, sensitiva.
– beneficiosdasplantas: Dormideira.
– Mimosine: Animal Science – Plants Poisonous to Livestock. Cornell University’s College of Agriculture and Life Sciences (CALS)

Carregar Mais
Carregar Mais Plantas & Ervas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA *

Veja Também

Comeu algo e passou mal? Confira 4 dicas de chás digestivos para auxiliar na melhora dos sintomas da má digestão!

Foto por: Etienne FAT É “tiro e queda”, não é? Foi comer aquela frit…